sexta-feira, 24 de junho de 2016

संसार: - Pensamentos éticos contrariam o fluxo da realidade humana.











Alguma coisa esqueci... Não sei... Amnesia & álcool... Verdade... Quem tem lábios de ouro não beija lábios de prata.


- Luta de Classes?




A binária luta humana para escapar do ser autêntico, ou o fim da time line biológica. A existência é um fluxo de condições infinitas, que apenas passamos, porém não as dominamos. Talvez existimos em universo Anti-Espinosiano presos a fatalidade. Os olhos amarelos, cuja a origem é um reflexo do figado, enxergam vultos que não possuem conceitos. A vontade é a esperança da utopia. A gramática é um manual de discriminação.


- Últimos Suspiros?

Percorremos até aqui na primeira e terceira pessoa. Somos a unidade na diversidade. O exército de garrafas polonesas executa a cerimonia fúnebre ou seria melhor uma solenidade viking. Estamos aqui no espaço-tempo bombardeados por fótons e neutrinos e isto é imutável - enquanto a relatividade prevalecer. Nestes últimos estertores somos funções adjetivas de uma cultura e consumo de massa. A moeda está suspensa e logo vai decidir nosso destino pré-determinado. Quando pensamos em liberdade, pensamos no maior erro do existencialismo de Sartre. O garçom com sua mala fides e nossa concordância - nos servirá umas doses a mais - em troca de uma gorjeta maior. Pensamentos éticos contrariam o fluxo da realidade humana. Quem sabe terminaremos de ler  o Bardo Thodöl como última ilusão. As flâmulas budista espalham seus versos adejados pelo vento polar do deus-nada: -273,15°C....






Nenhum comentário:

Postar um comentário